memórias

a única coisa que tenho para dizer nessa passagem dos 20 anos sem o Ayrton Senna, meu primeiro ídolo, é que o jeito mais fácil de me fazer chorar é digitando SUZUKA 1988 no Youtube e colocando o vídeo da chegada dessa corrida, com narração do Galvão Bueno. não falha.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s