solvente

continuando o papo sobre carros, hoje despachei a Kim para a Clínica do Carro, para ver um probleminha de trancos – ela fica hesitante quando vou só até a metade do acelerador ou quando dou kickdown com motor frio, por exemplo. mas resolvi, de quebra, fazer uma lista de todos os pequenos problemas que ela anda dando, aqueles que não comprometem o funcionamento do carro, e pedi para o pessoal arrumar. coisas pequenas, como um vidro que range, um teto solar cujo trilho nem sempre encaixa do jeito certo, um retrovisor que não volta à posição normal depois de uma manobra.

são coisas pequenas, verdade, mas que acabam com o prazer de dirigir – justamente o motivo pelo qual comprei a Kim, oras. e se eu tenho um carro cujo equivalente zero-quilômetro custa mais de R$ 300 mil, é bom que a manutenção do meu clássico esteja à altura de um carro de R$ 300 mil, ainda que ele valha pouco mais de um décimo disso. se o meu tesão voltar quando tudo estiver resolvido, pode ser que eu desista de vendê-la.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s