mergulho

em Janeiro de 1968, o ministro francês da Juventude e do Desporto foi inaugurar uma piscina na universidade de Nanterre. o ministro tinha acabado de publicar um extenso relatório sobre «a juventude francesa». na inauguração, o governante é interpelado por Daniel Cohn-Bendit, que lhe diz que o tal relatório é uma calamidade, pois nem sequer se ocupa «dos problemas sexuais da juventude». o ministro respondeu: «Se tem problemas dessa natureza, aconselho-o a dar três mergulhos na piscina».

Pedro Mexia, trazendo mais uma parábola esclarecedora sobre coisas que, ampliadas, acontecem ainda hoje.

Anúncios

One thought on “mergulho

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s