epístola

há um pintor trabalhado no rodateto do meu novo apartamento no exato momento em que escrevo essas linhas, ainda no velho. o último inquilino decidiu que as paredes eram brancas e lisas, menos uma, azul e áspera. e pintou o rodateto no mesmo tom de azul em todos os lados… o resultado foi horrível, e meu apuro estilístico não permite esse tipo de coisa: tudo branco, e para já.

phedra

o prezado Victor Bicudo conta uma piada das boas:

um homem resolve levar seu filho de 4 anos ao psicólogo e explica a ele o problema do garoto:

“- doutor, meu filho tem quatro anos e até agora só aprendeu a falar uma palavra: ‘TRUCO’.”
“- só isso?”
“- é, pode fazer um teste.”

o psicólogo vira-se para o garoto:

“- qual o seu nome?”
“- truco!”, responde ele.
“- por favor” – dirigindo-se ao pai – “deixe-me ficar um pouco a sós com ele.”

o pai se retira e o psicólogo retoma a conversa:

“- quantos anos você tem?”
“- trucoooo!”
“- o que você fez hoje antes de vir pra cá?”

o garoto dá dois tapas na mesa e grita “TRUCOOOOOO!!!”. o psicólogo abre a porta do consultório e encontra o pai do garoto sentado.

“- então, doutor, o que o meu filho tem?”
“- olha, pela convicção, ou é zap, ou é copas.”

HAHAHAHAHAHAHA, LINDA ESSA…

138

o Rodrigo tem blógue. de novo. o que é sempre muito bom…

abaixo, uma amostra da ginga estilosa deste fã do Obina:

Com a experiência que só mais de 350 dias carregam, hoje conto vinte e um e sei que não se escreve em português como Nelson Rodrigues. Fosse ele inglês e criasse o Sobrenatural Hughes, a slut goat e o Ceguinho fã do Arsenal, eu me viraria de maneira a tornar-me bretão. Só Nelson Rodrigues me liga ao Brasil.