rotina

ontem, pela quarta vez na vida, me senti um homem de verdade e não um moleque. e foi por algo razoavelmente simples: fui de carro daqui até Lorena, pela via Dutra. uns 25, 30 quilômetros. sem nenhum problema, sem nada de errado. bati meu recorde de velocidade dirigindo (142 km/h). preciso fazer isso mais vezes e em distâncias maiores, agora. e, quem sabe, ouvindo Scott Walker ou ópera…

Anúncios

like insects do

não vejo a hora das premiações do IBest e do London Burning serem anunciadas. assim não vão mais haver posts no blógue da Zero pedindo pra votar, como vem acontecendo paulatinamente e eu não agüento mais.

não tentem isso em casa

fiquei dezesseis dias no mais puro sedentarismo, e só parei com essa idéia ridícula anteontem, quando caminhei quatorze quilômetros. mas só hoje voltei a fazer abdominais e levantar pesos. pra não me detonar, fiz só dois terços do que costumava fazer.

e pqp, parecia que eu nunca tinha feito um abdominal sequer em toda minha vida.